Morreu SILO

Morreu SILO - [field_topic-terms]

O óbito deu-se no dia 16 de Setembro, às 23.05h (hora local), em Mendoza, Argentina

A Equipa de Coordenação Internacional do Partido Humanista lamenta informar o falecimento do escritor e pensador argentino Mario Luis Rodríguez Cobos (SILO), fundador do “Humanismo Universalista” ou “Novo Humanismo”, corrente de pensamento que deu origen ao Movimento Humanista e a numerosas instituições a este ligadas: A Comunidade para o Desenvolvimento Humano, o Partido Humanista, o Centro das Culturas (hoje, denominado Convergência das Culturas), o Centro Mundial de Estudos Humanistas, Mundo sem Guerras e sem Violência e múltiplas frentes de acção. Estes organismos levaram a cabo em todo o mundo a recente Marcha Mundial pela Paz e a Não-Violência que percorreu o planeta, partindo de Wellington (Nova Zelândia), a 2 de Outubro de 2009, e concluindo em Punta de Vacas (Mendoza, Argentina), a 2 de Janeiro de 2010.

Nos últimos anos, com o objectivo de difundir A Mensagem de Silo, os seus amigos e discípulos criaram ou lançaram as bases de numerosos Parques de Estudo e Reflexão, não só em Punta de Vacas (Argentina), local onde Silo proferiu a sua primeira arenga pública, como também em diversos países da América Latina (Argentina, Chile, Brasil, Bolívia, Colômbia, Equador), da América Central e do Norte (Guatemala, México e EUA) e da Europa (Espanha, Itália, França, Alemanha e Hungria) e da Ásia (India e Filipinas), havendo já um projecto luso-galego para a construção de um no norte de Portugal.

Neste momento, milhares de pessoas em todo o mundo estão dedicadas à nivelação de conhecimentos preliminar às quatro Disciplinas (Energética, Formal, Material e Mental) de inspiração siloísta, enquanto outros milhares estão a frequentá-las, havendo já centenas que as acabaram e estão prontos para ensiná-las. Em simultâneo, a proposta política, as organizações que difundem a Não-Violência, as que lutam contra todo o tipo de discriminação, pugnam pelo desarmamento nuclear e marcham pela Paz, dedicam-se ao estudo da ética do conhecimento, tanto como as que procuram a convergência das culturas, trabalham socialmente com o objectivo de estabelecer as bases de uma Nação Humana Universal.

A obra de Silo, mestre e pensador, está no mundo e a sua recordação perdurará na mente das pessoas que conheceram a sua doctrina, que tem como valor e preocupação fundamental o ser humano.

Theme by Danetsoft and Danang Probo Sayekti inspired by Maksimer